This is us

Fim de semana bem cheio, incrível!

*foto de divulgação

Primeiramente a realização de um sonho depois de mais de 12 anos de espera! Ir a um show dos Backstreet Boys.

Os Backstreet Boys foram parte da minha vida e das minhas amigas por um bom tempo há um bom tempo. Acontece que em nenhuma das apresentações do grupo aqui em São Paulo nós tivemos oportunidade de ir, até agora.

Engraçado ver como o tempo passa, os meninos nem tão mais meninos, um pouco mais gordinhos, mas durante show, acredito que nós 5 e as outras 7 mil pessoas – em maioria esmagadora mulheres – sentíamos como se estivéssemos de volta aos 15.

Em comparação com as antigas grandes produções, esse show foi bem simples, apenas os quatro no palco e um DJ.

O show foi mesmo como se estivéssemos assistindo a um filme, que contava a história dos Backstreet Boys enquanto revivíamos a nossa história também, eles saem do telão direto pro palco cantando Everybody – Backstreet’s Back e era isso mesmo!

Os passos de dança ensaiados característicos das bandas dos anos 90 foram simplificados, mas estiveram presentes durante toda a apresentação.

O repertório alternava entre os maiores hits de sucesso do grupo com músicas mais recentes, do último disco que dá nome à turnê This is us. Dentre as “novas” PDA foi a que mais gostei.

1.Everybody

2.We’ve Got It Going On

3.PDA

4.Quit Playing Games (With My Heart) e As Long as you Love Me

5.This is Us

6.Show Me the Meaning of Being Lonely

7.She’s a Dream

8.I’ll Never Break Your Heart

9.The Call

10.The One

11.Bigger

12.Shape of My Heart

13.More than That

14.Undone

15.Incomplete

16.Larger Than Life

17.All Of Your Life (You Need Love)

18.Bye Bye Love

19.If I Knew Then

20.I Want It That Way

21.Straight Through My Heart

Foram 5 trocas de roupas e, nesses intervalos, eram exibidos pequenos vídeos onde cada um deles interpretava cenas de filmes famosos, fazendo o papel do ator principal. Primeiro Howie em Velozes e Furiosos “encenando” com Vin Diesel, no papel de Paul Walker, depois AJ assume o papel de Brad Pitt em o Clube da Luta, Brian coloca-se na pele do Principe Edward [James Marsden] de Encantada, por último Nick, ao invés de Keanu Reeves, em Matrix.  A interpretação é ótima e os filminhos, muito engraçados, principalmente as caras e bocas do Brian.

Infelizmente o show acabou e eles voltaram para o telão de onde haviam saído. Saímos todas com um gostinho de quero mais. Como foi bacana voltar no tempo, como disse Millena “Nosso amor estava aoenas adormecido!” [rs] algo desse tipo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s