Tutorial da saia longa liberty

A Viviana me pediu, já faz um tempinho, pra postar o molde/tutorial da saia longa liberty que aparece nesse look aqui e nesse aqui.

Confesso que fiz como eu imaginava que daria certo. Até procurei na net moldes de saia evasê, mas achei complexo demais para o que eu queria.

Então fiz da seguinte forma: comprei 1,20m de tricoline para o comprimento da saia [eu sou pequena, então 1,20 dá muito bem para o comprimento e ainda fazer cós e barra] e o 1,40m, da altura do tecido, pra servir a largura da saia.

Como não pretendia colocar zíper, somente elástico, tive que me certificar de que a largura máxima do cós da saia passaria pelo meu quadril [sim, já fiz uma saia que tenho que vestir que nem blusinha porque não tive essa preocupação].

Comecei dobrando o tecido ao meio na maior medida [no meu caso, 1,40m]; a partir do centro, na parte superior, marquei 1/4 da medida do meu quadril [1/4 Q] pra cada lado. A partir dessa marca abri o traço na diagonal, o máximo possível em direção à extremidade inferior do tecido, porém, ao invés de descer apenas uma linha na diagonal, você poderia abrir mais rápido até a extremidade do retângulo e então, a partir daí descer uma linha reta, atentando para que a transição entre a diagonal e a vertical fique o mais sutil possível.

Sugiro que você faça todos os traços apenas em um dos lados do retângulo dobrando ao meio [0,35 m x 1,20 m, no meu caso] e cortando os dois/quatro lados de uma única vez, pra não correr o risco do lado direito ficar diferente do esquerdo, a frente diferente das costas. Digo isso porque não fiz um molde antes, eu já risquei direto no tecido.

Costurei tudo pelo avesso, primeiro a parte da frente na de trás, passando uma costura em zig-zag pra facilitar o acabamento. Depois preparei o cós para passar o elástico e, por último, fiz a barra.

Sem segredos, certo!? Só espero que tenha conseguido explicar direito.

Se você for maior que eu [é muito provável que você seja maior que eu], você pode usar a altura do tecido [1,40 m] para o comprimento da saia e comprar, em metros, o quanto julgar necessário para deixar a saia com uma abertura maior, pois da forma que eu fiz, a minha passada fica limitada a 70 cm.

tutorialSinto muito pela [não] qualidade do desenho, mas fiz no AutoCad [complexo de arquiteta] rapidinho.

estante – faça você mesmo

Mais um exemplar da série faça você mesmo.

Já havia mencionado há alguns posts as possibilidades de transformação de caixotes de feira, aí vai o primeiro que eu mesma fiz quando não tinha mais onde guardar meus livros no meu quarto no apartamento.

A moça da feira me vendeu cada caixa por R$1, um valor simbolico, só pra não me dar de graça, eu imagino. Lixei um pouco pra tirar uns fiapos de madeira e pintei as caixas com um resto de tinta látex, sobras da pintura do meu quarto,  para dar um melhor acabamento utilizei verniz spray por ser ainda mais prático.

pufe – faça você mesmo

E a redecoração da sala continua…

Já que estámos retirando um jogo de sofá da sala e substituindo por um único sofá-cama, achamos que o ideal seria completar com um pufe. Fiz uma pequena pesquisa a respeito de como confeccionar e que material utilizar.

Os tecidos mais indicados seriam brim ou corino, porém não encontrei nenhuma estampa ou cor que me agradasse desses tecidos. Courvin seria a próxima opção, mas, adivinha, também não havia muita variedade e a loja de tecidos da minha cidade também não trabalhava com esse material e eu tenho um probleminha chamado impaciência, portanto queria resolver logo. Acabei sedendo, mais uma vez, à chita, apesar de terem me alertado a respeito da baixa resistência da chita, ainda assim achei que valia a pena, pois obteria o resultado que eu tinha em mente e paguei apenas R$3,90 no metro, não foi um investimento assim tão grande.

Aí vai o tutorial com as devidas observações:

Material

Além da máquina de costura, é claro, você precisará ainda de 2metros do tecido escolhido, enchimento de bolinhas de isopor de preferência, principalemente se, assim como eu, você escolher um tecido que corre risco de esgarçar se ficar muito tensionado, um zíper de 40 centímetros e uma tesoura.

Passo a passo

1. Corte dois círculos de 60cm de diâmetro [deixe uma margem para não complicar na hora de costurar]

2. Corte uma faixa de 2oox40cm [não esqueça da margem]

3. Costure o ziper unindo as extremidades da faixa.

4. Costure a faixa em torno de um dos círculos.

5. Costure o outro círculo como se fosse a tampa.

6. Encha com as bolinhas de isopor.

obs. : Atenção para o zíper. Minha avó reforçou bem a costura nas extremidades do zíper para não correr o risco de ficar um espacinho por onde pudesse vazar o enchimento.