Festa Junina 2014

Nós começamos com uma fogueirinha nos fundos da casa de um dos meus tios e algumas comidas típicas em 2004 ou 2005, não conseguimos chegar em um consenso.
Com o tempo convidamos mais membros da família e cada um costuma levar um prato doce ou salgado, dependendo de como organizamos, e uma bebida.
Alugamos mesinhas e cadeiras pra todo mundo ficar confortável, além dos grandes bancos de madeira que existem lá no quintal, que meu tio mesmo faz.
Providenciamos algumas prendas para um bingo, eu mesma costurei 2 ecobags de chita e um porta bijuterias xadrez, outras pessoas também levam prendas!
Esse ano eu organizei um correio elegante que foi sucesso total e para o ano que vem estou pensando em incluir a barraca do beijo. 💋
Meu tio providencia a lenha e acende a fogueira!
Eu quis ficar responsável pela decoração e minha mãe também participou com uns arranjos para decorar as mesas, mas o que ela gosta mesmo é da parte de cozinhar e acaba se encarregando de muitas coisas, arroz doce, doce de abóbora, canjica, bolo de canela, foram algumas delas.
Não estava tão frio quanto no ano passado, mas teve bastante caldos quentes, salsicha com molho, carne louca, tortas, entre outras coisas.
Pra completar o clima, músicas caipiras! Só faltou mesmo uma quadrilha, mas vamos melhorando a cada ano… Quem sabe no ano que vem!?

Todos curtiram muito! Eu amei tudo, especialmente o fato de todo mundo brincar e se divertir!

 20140707-181402-65642223.jpg

20140707-181405-65645440.jpg

20140707-181404-65644684.jpg

20140707-181408-65648891.jpg

20140707-181409-65649738.jpg

20140707-181411-65651579.jpg

20140707-181403-65643846.jpg

20140707-181410-65650600.jpg

20140707-181407-65647175.jpg

20140707-181412-65652340.jpg

20140707-181413-65653054.jpg

20140707-181408-65648036.jpg

20140707-181413-65653884.jpg

Anúncios

Aniversário da mamãe

Ontem, 01/02, foi aniversário da mamãe.

Pra minha mãe, sem a qual eu não existiria, a pessoa a quem eu mais admiro, que me aconselha, que me ensina, que me inspira, só tenho que desejar mais obstáculos vencidos, mais objetivos alcançados, mais vitórias, mais saúde, mais alegrias, mais amor, mais aprendizado, mais tudo o que uma pessoa tão maravilhosa quanto ela merece.

Parabéns, Mamãe!

Pinacoteca do Estado

A visita ao Parque da Luz é, inevitavelmente, seguida da visita à Pinacoteca do Estado.

No momento, há quatro exposições temporárias em cartaz:

Desenhar no espaço: artistas abstratos da Venezuela e Brasil – Exposição com cerca de 70 peças entre pinturas, esculturas, objetos e desenhos, mostra o processo de passagem, desenvolvido pelo trabalho dos artistas, do plano pictórico para o espaço, na história da arte da Venezuela e do Brasil, entre 1947 e 1987.

Graciela IturbideCom cerca de 80 imagens realizadas entre os anos 1960 até os dias de hoje em diversos países como México, Estados Unidos, Espanha, Índia e Itália. São imagens que retratam a fragilidade das tradições ancestrais e sua difícil subsistência; a interação entre natureza e cultura; a importância do rito no gesto cotidiano e a dimensão simbólica de paisagens e objetos encontrados a esmo ocupam um lugar central em sua trajetória.

Ignacio Aballi – Teoria A obra exibida é composta por nove vitrines; oito que rodeiam o perímetro do espaço, e são compostas por uma estrutura de metal que recebe uma cúpula de vidro onde será serigrafado nas suas quatro faces laterais uma série de textos reunidos pelo artista, que descrevem e apresentam as 8 cores (branco, preto, amarelo, roxo, vermelho, violeta, azul e verde). As cores serão aplicadas por meio de pigmento de cor em plataformas/placas que serão a base das vitrines. A última vitrine ocupará centro do espaço e no interior haverá pó (de cor cinza), em vez de pigmento de cor.

O Lado de Lá – Angola, Congo, Benin –  Cerca de 30 imagens, PB, do fotógrafo Ricardo Teles (Porto Alegre, RS,1936). As imagens foram realizadas entre 2005 e 2010 em diversos locais da África e revelam cenas da vida cotidiana, celebrações que unem arte e religiosidades, retratos de pessoas e de monumentos históricos, como o Portal do Não Retorno, erguido na década de 1990, na República do Benin, em memória dos escravos que partiram em direção ao Brasil.

Todas valem muito a pena, mas a exposição que mais gostei foi a de Graciela Iturbide. Isso sem contar as exposições do prórpio acervo da Pinacoteca.

As fotos são da exposição Destaques do Acervo.

Nats new hair

As mulheres dessa casa gostam de mudanças constantes [sempre que possível] e ontem foi a vez da Nats se aventurar e mudar o estilo. Eu diria que o resultado foi sucesso, nossa hair stylist [vulgo cabeleireira] diria que o resultado foi glamour!

Além do new hair, atenção para a new bag perfeita dela, sem contar o look em si,  navy, básico com o short jeans e  all star e que ficou perfeito!

Nats e Ashanti

É incrível como, pra algumas pessoas, tudo cai bem! A Nats é uma dessas pessoas! Esse look ficou muito lindo! Amei e não pude perder a oportunidade de postar aqui.

Então aí vai mais uma colaboração da minha irmãzinha pro The New Pink!

Camisetinha Riachuelo

Legging Marisa

Bolsa Riachuelo

Óculo looks like Wayfarer

Ashanti Coleção Afromania

Essa fotinho eu peguei no Flickr dela!